CARREIRA & NEGÓCIOS

Quando o vinho encontra o ecommerce que encontra… um grupo de mídia


Na terça-feira o jornal Valor Econômico publicou a compra de parte do capital da Wine, maior site de comércio eletrônico de vinhos no Brasil pela RBS.

O grupo de mídia que está sediado no Sul do Brasil adquiriu parte da empresa dando continuidadena sua estratégia de entrada nos mercados digitais. A RBS já tem o Hagah, negócios em mobile marketing, e agora coloca o pé no comércio eletrônico.

A estratégia da holding para 2012 inclui a consolidação de sua estrutura. O braço digital passará a operar efetivamente como uma empresa em agosto. O projeto passa também por novas aquisições, concluídas por meio de recursos próprios. Bruggioni não divulgou o valor reservado para esses acordos, mas disse que a ideia é encerrar 2012 com um portfólio de dez a 12 companhias, e receitas equilibradas entre as três divisões – afirma a matéria.

A Wine – http://www.wine.com.br – é uma empresa com sede em Vitória (ES) com 45 mil clientes ativos e 13 mil usuários cadastrados no seu Clube W, um clube de vinho que mensalmente retira entre 2 a 6 garrafas e tem descontos e ofertas especiais. Da receita estimada de R$ 36 milhões (2011) o clube do vinho representa (estimativa nossa) R$ 2,6 milhões mensais.

Belo negócio. O mercado de vinhos no Brasil após 2008 vem crescendo a taxas de mais de 20% ao ano (veja quadro ao lado) e somou em 2010 cerca de R$ 10 bilhões de faturamento.

O comércio eletrônico, em 2011, fechou com 30 milhões de e-consumidores (crescimento no ano de 5,4 milhões) e faturamento de R$ 20 bilhões. Os mercados de nicho são os que mais crescem comparando com o crescimento dos grandes portais de compras.

A Wine praticamente está sozinha no mercado. Com um atendimento excelente, embalagem desenvolvida para a entrega segura e sem “machucar” muito o vinho, e com um amplo sortimento, concentrado em vinhos importados, a empresa de longe se diferencia de seus competidores (na minha opinião apenas Mistral, que é distribuidora, se destaca nesse negócio – www.mistral.com.br). A estratégia da Wine agora é entrar no (perigoso) mercado on-trade, atendendo bares e restaurantes numa plataforma B2B.

A entrada da RBS nesse negócio só comprova que o mercado de nicho no ecommerce é a bola da vez dessa grande indústria.

Parabéns à Wine e RBS pelo belo encontro.

Salute! Vamos em frente.

Anúncios

0 comentário em “Quando o vinho encontra o ecommerce que encontra… um grupo de mídia

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: